A Filosofia do Taekwondo Songahm

A caminhada do cinto branco ao cinto preto é metaforicamente comparada ao crescimento de um pinheiro e ao passar de um dia. O cinto branco é uma semente que se semeia e se nutre para desenvoler as bases daquilo que será, um dia, um pinheiro crescido. Até ao cinto preto, este “pinheiro” verá raiar um novo dia, desenvolverá as suas folhas e o seu troco, encontrará o seu lugar entre os outros pinheiros e, após ter raízes profundas na terra, chegará a primeira noite e o pinheiro estará finalmente crescido. O cinto preto é o nascer de um novo dia, no qual o aluno estará pronto para “semear” para um futuro melhor.